Polônia – Contagem Regressiva Étnica

Saindo da costa do Mar Báltico e indo diretamente aos campos, nos encontramos com os poloneses, por coincidência, ou não, uma das casas típicas de Ijuí com forte presença em nossa cidade.

Introduzido nosso país do dia, vamos para as curiosidades sobre ele, antes de conhecer sua história: Nicolau Copérnico, astrônomo que teorizou que a terra gira em torno do sol, é polonês; a maior pandemia da história, a peste negra, não chegou à Polônia; o famoso corredor polonês é um território que dá saída da Polônia ao mar e um marco histórico ocorreu no Corredor: durante os conflitos entre Alemanha e Polônia pelo domínio do território, os alemães se posicionaram de ambos os lados do corredor e abriram fogo contra os poloneses.

Existem muitos debates ainda sobre a verdadeira origem do povo polonês. Como a Polônia está situada na Europa Central, especula-se que muitos povos tenham se alojado na região e feito rotas de comércio. O principal registro pré-histórico da Polônia é a colônia fortificada de Biskupin que foi reconstruída e hoje é um museu.

A fundação da nação polonesa foi em 966 com a dinastia Piast e assim se estabeleceu a primeira monarquia do país. O período monárquico polonês durou por muitos anos com divisões, unificações e alianças: em 1100, o rei Boleslau III divide a Polônia entre seus filhos; em 1320, a Polônia é reunificada, mas, apenas em 1333, com Casimiro III, a Polônia é considerada realmente unificada, com as reformas propostas, expansão territorial e fundação de cidades; em 1385, Polônia e Lituânia fazem a aliança que ficou conhecida como República das Duas Nações ou República de Ambas as Nações e por muito tempo foi uma das maiores alianças da Europa; de 1655 até 1660 os suecos devastaram a Polônia com invasões; durante os anos de 1772 a 1795 houveram três partilhas da Polônia entre Rússia, Prússia e Áustria, que fizeram com que o país sumisse do mapa; Napoleão foi responsável por reestabelecer um estado polonês que durou até sua queda na Batalha de Waterloo, sendo o território polonês mais uma vez divido entre Rússia, Prússia e Áustria; em 1863, chega o momento das revoluções polonesas, mesmo que sem sucesso, para estabelecer novamente um país independente e a situação em que o país se encontrava fez com que muitas famílias migrassem para o Brasil. Por aqui estava em prática o plano de colonização europeia em função da diminuição da escravidão e posterior abolição.

Os poloneses vieram ao Brasil trabalhar nas fazendas e como na Polônia cultivavam terras em campos planos, ao chegarem no Rio Grande do Sul e não se adaptarem ao terreno acidentado da serra, tomaram rumo ao interior do estado em busca de terras melhores.

Chegaram ao noroeste do estado onde devido à dificuldade de comunicação e vítimas de discriminação, a cultura polonesa acabou aos poucos se misturando às culturas italiana e alemã, já presentes na região e assim a cultura polonesa acabou perdendo sua singularidade.

Houve uma segunda imigração polonesa ao Brasil, no período da Segunda Guerra Mundial, em que esses migrantes ajudaram a popularizar e modernizar o teatro, tanto é que Nelson Rodrigues pediu auxílio aos artistas poloneses para algumas de suas produções que hoje são referências em nosso país.

A estimativa é que por volta de 5 milhões de brasileiros sejam descendentes de poloneses.

As marcas desse povo na formação do Brasil são encontradas em várias esferas, mas no Sul é mais presente e em certos locais é impossível ignorar como no Paraná (Curitiba, após Chicago, é a maior cidade polonesa fora da Polônia) e nos municípios gaúchos de Dom Feliciano, Áurea, Guarani das Missões e aqui, em Ijuí.

São costumes, receitas, fé, sobrenomes cheios de consoantes que remetem a um povo que em tempos de privações foi movido pela esperança para novas terras a serem desbravadas e nessas descobertas, construiu uma vida melhor para si e para a sociedade brasileira que os recebeu.

Referências:

https://pt.countryeconomy.com/paises/polonia

https://www.portalsaofrancisco.com.br/turismo/polonia

http://qualiflag.com.br/paiseshtm/polonia.htm

https://www.familysearch.org/pt/wiki/Pol%C3%B4nia,_Hist%C3%B3ria

https://www.portalsaofrancisco.com.br/turismo/polonia

https://www.infoescola.com/historia/imigracao-polonesa-no-brasil/#:~:text=O%20in%C3%ADcio%20da%20imigra%C3%A7%C3%A3o%20polonesa,lutarem%20contra%20portugueses%20e%20espanh%C3%B3is.

https://culture.pl/pt/article/presenca-polonesa-na-cultura-brasileira

Siga o Instagram da EXPOFEST e fique por dentro dos BASTIDORES do maior evento multiétnico do país!

Siga o Instagram da EXPOFEST e fique por dentro dos BASTIDORES do maior evento multiétnico do país!

POSTS RELACIONADOS