Japão – Contagem Regressiva Étnica

Saindo da América Latina e voltando para a Ásia, vamos rever nossas infâncias com Dragon Ball, Yu Yu Hakusho e Cavaleiros do Zodíaco, que nos foram apresentados na saudosa TV Manchete, Chegamos ao Japão. Existem muitas teorias de porque os olhos dos japoneses são mais cerrados, a teoria mais aceita é que o país ser montanhoso fez esta adaptação para a proteção dos olhos. A cultura dos animes é tão popular no Japão que Goku, Luffy, Naruto, Sailor Moon e Astro Boy foram os embaixadores das Olimpíadas de Tokyo.

As ferramentas mais antigas do mundo são do Japão, desde sempre inovando, datam de 30.000 a.C, e a cerâmica na civilização Jomon, também a cerâmica mais antiga do mundo, antes da última glaciação. A próxima civilização a habitar no território japonês foi a Yayoi, que estabeleceu metalurgia e agricultura, principalmente introduziram o cultivo do arroz. O fim do período Yaoyi foi em 300 d.C. seguido pelo período Yamato que se popularizou pela primeira unificação do Japão no século VI. Após a unificação japonesa começou a conquista da península da Coreia, a cultura coreana trouxe o budismo para o Japão. A morte do Imperador Shotoku em 622 seguiu um período de guerras civis até subir ao cargo o Imperador Kotoku em 645 e fez a reforma centralizando os poderes nas mãos do imperador, baseado no método aplicado na China, o Japão passou a sofrer grande influência chinesa nesse período.

Após a diminuição da influência chinesa seguiu-se a era feudal, conhecida como a era dos samurais, um contribuição importante do período foi a criação de uma escrita e uma curiosidade, é que o Bushidô em livro surgiu apenas 30 anos após o fim do período samurai, ou seja, já não existiam mais samurais quando as 7 virtudes dos samurais foram escritas e Oleg Benesch escreve que a ideia do Bushidô surgiu com Ozaki Yukio que viajou para a Europa e ficou encantado com os princípios dos cavaleiros da Idade Média e até os templários. Retomando a história, conflitos entre samurais de alguns clãs possibilitaram a ascensão do clã Minamoto que estabeleceu o governo de base do xogunato. O xogunato gerou os daimyos, senhores de terras que tomaram controle absoluto sobre suas terras, enfraquecendo o xogunato e gerando novas guerras entre os daimyos. Durante o período do século XVI os missionários portugueses chegaram ao Japão, começaram o comércio e evangelização, há quem diga que Cavaleiros e Samurais nunca se encontraram, o que é um engano, portugueses e japoneses se enfrentaram na Batalha da Baía de Fukuda, alguns daimyos começaram a achar exagerada a evangelização após a destruição de templos e queimar símbolos e proibiram os portugueses no território, este período durou 100 anos, mas alguns daimyos já convertidos permitiam ainda que os portugueses utilizassem seus portos, os portugueses mesmo sob ameaças continuaram indo aos portos japoneses, onde japoneses emboscaram um navio português, a maioria dos portugueses estava em terra e 80 portugueses no barco, foram 70 mortos, mais de 200 feridos e alguns navios destruídos japoneses e dos 80 portugueses apenas 8 morreram. Pouco tempo depois o Japão se isolou para o resto do mundo.

O período que se seguiu foi a Era Edo ou Era Tokugawa, onde um novo imperador restabeleceu o xogunato após ganhar a guerra civil. a Era Edo, foi sangrenta com perseguição dos católicos sendo convertidos à força ou condenados à morte, o governador era um samurai e houve a ascensão da classe até os mais famosos samurais, os ronins, que era samurai sem um senhor ou desonrados. Este período durou até a Restauração Meiji, onde as espadas eram proibidas de serem portadas em público.

A Era Meiji foi o início da imigração japonesa no Brasil motivados pelos países, Brasil precisava de mão de obra e o Japão precisava de controle demográfico. Os japoneses vieram para trabalhar em fazendas de café, mas a difícil adaptação fez tomarem outros rumos, com algumas famílias japonesas comprando suas próprias terras iniciando a agricultura de algodão. Entre outras contribuições tem o caqui doce, a havaiana é popular no mundo todo, mas o chinelo de dedo veio do zori as sandálias japoneses. A carpa foi popularizada por japoneses. Cerejeiras que são um dos símbolos do Japão. E para finalizar como um bom cachorreiro, a raça Akita Inu veio do Japão, eram cães dos samurais. A cultura japonesa teve grande contribuição para nossa cultura, e agora sabemos um pouco mais deste país composto quase inteiramente por montanhas com grande tecnologia, controle de estoque e mangas.

REFERÊNCIAS:

https://www.google.com.br/books/edition/The_Lost_Samurai/JP0hEAAAQBAJ?hl=pt-BR&gbpv=1&dq=battle+fukuda+bay&pg=PT31&printsec=frontcover
https://www.youtube.com/watch?v=cjdG2a_B7s4&ab_channel=MartialArtsStudies
https://www.historiadomundo.com.br/japonesa#:~:text=As%20origens%20da%20civiliza%C3%A7%C3%A3o%20japonesa,dos%20Yayoi%2C%20Kyushu%20e%20Jomon.
https://www.todamateria.com.br/japao/
https://www.culturajaponesa.com.br/index.php/historia/historia-do-japao/
https://brasilescola.uol.com.br/japao
https://www.al.sp.gov.br/noticia/?id=288309

Siga o Instagram da EXPOFEST e fique por dentro dos BASTIDORES do maior evento multiétnico do país!

Siga o Instagram da EXPOFEST e fique por dentro dos BASTIDORES do maior evento multiétnico do país!

POSTS RELACIONADOS